sexta-feira, 12 de maio de 2017

Falta de médicos em Dourado revolta moradores

A falta de médicos em Dourado vem preocupando e revoltando moradores da cidade. Na tarde de ontem quinta(11) foi um desses dias típicos que em algum momento o pronto socorro ficou desassistido por profissional deixando pacientes irritados e nervosos.

Por volta das 18h00, uma paciente chegou ao PS com febre, necessitando de atendimento, quando foi avisada para que aguardasse a chegada do profissional. Às 18h20, o namorado da paciente se juntou na espera por um médico. O tempo foi passando e a paciente sentido-se mal com  tremores pelo corpo, possivelmente em função da febre alta, acabou deixando o pronto socorro às 19h20 em busca de outro tipo de ajuda. O casal optou pelo atendimento em uma farmácia da cidade.

Nesse mesmo dia, uma outra paciente, uma senhora de 72 anos, moradora em Dourado, chegou ao PS por volta das 19h00, com pressão alta, uma vez que já havia medido a pressão em casa. Essa paciente só foi atendida por volta das 19h30, quando chegou o profissional médico.

A pergunta que se faz: E se fosse algo mais grave com as duas pacientes? Como poderiam receber o pronto atendimento com a ausência de um médico  nesse espaço de tempo?  Com a palavra a prefeitura de Dourado!

O Blog do Ronco entrou em contato com a assessoria de imprensa da prefeitura e aguarda um retorno.

2 comentários:

lâine Carlos disse...

Bom dia, quero justificar o fato ocorrido ontem no Pronto Socorro dr Ailton abandonou o plantão por volta das 18:15h não avisando ninguém. Informo também que já está sendo registrado um Boletim de Ocorrência contra o profissional médico. Coloco-me a disposição para qualquer outro esclarecimento.
Elaine - Diretora do Departamento de Saúde de Dourado.

Emilio Minutti disse...

Gostaria de saber o boletim de ocorrência foi feito pelo motivo da denuncia do blog ou já havia sido providenciado pelo abandono do plantão do referido médico, já que este abandonando o plantão deixou pessoas esperando outro profissional.